Desmaio

Desmaio: entenda quais são as principais causas

O desmaio é uma condição clínica corriqueira, que afeta com mais frequência mulheres jovens, portadores de doenças do coração e pessoas idosas. A síncope, como também é conhecido, caracteriza-se pela ausência súbita e temporária da consciência. A recuperação da consciência e dos movimentos, geralmente se dá de forma espontânea.

É possível ocorrer desmaios repentinos, sem que o corpo emita nenhum sinal previamente. Entretanto, momentos antes do desmaio, a pessoa costuma sentir vertigem ou mal estar.

Ainda, há suor frio, náuseas, ânsia de vômito, visão turva, pulso fraco entre outros sintomas. Isso acontece porque, em boa parte dos casos, o fluxo de sangue do cérebro é alterado.

Neste post, compreenderemos um pouco mais sobre o tema. Acompanhe!

Quais as possíveis causas do desmaio?

Existem diversos fatores clínicos que levam ao desmaio. É indispensável que o diagnóstico seja realizado corretamente, já que, o fato em si, é apenas um sintoma. Muitas vezes, a pessoa não dá a devida importância e não procura ajuda médica. Por trás do desfalecimento aparentemente inofensivo, pode estar alguma doença coronária, por exemplo.

Diante do quadro apresentado, o médico vai identificar a causa considerando a história do paciente, exames clínicos e de imagem e, caso necessário, até mesmo exames neurológicos.

Problemas cardiovasculares

Os problemas no coração configuram um grande rol de potenciais doenças que levam ao desmaio. Arritmia, infarto, alteração nas válvulas cardíacas são bons exemplos.

Essas doenças, cada uma com suas implicações, impactam no funcionamento do sistema circulatório, atrapalhando o sangue de levar oxigênio para diversas partes do corpo, inclusive o cérebro.

Distúrbios metabólicos

Diversas são as alterações metabólicas que podem desencadear um desmaio. A desidratação é uma causa bem comum, assim como a hipoglicemia, que é a baixa de açúcar no sangue.

A hipoglicemia pode ocorrer em pacientes diabéticos, em situações de jejum prolongado, por exemplo. O cérebro necessita do açúcar para o seu funcionamento adequado, quando os níveis no sangue não são suficientes, a perda da consciência é uma das consequências.

Síncope vasovagal

A síncope vasovagal pode estar relacionada a forte emoção, dor, calor, desidratação, uso de álcool e costuma ter sua primeira apresentação ainda na idade mais jovem especialmente na adolescência.

Por estimulo do nervo vago pode haver alteração na frequência cardíaca e na pressão arterial, de forma diferente do normal, havendo uma hipoperfusão difusa, principalmente no cérebro. Imediatamente, a pessoa desmaia, mas rapidamente recobra a consciência após a queda ao solo. É o que acontece, por exemplo, com alguém que desmaia após ver sangue.

Gravidez

É bem comum uma mulher descobrir a gravidez após um episódio de desmaio. As alterações hormonais ocorridas durante a gestação são frequentes causas do desfalecimento.

Outros fatores

Os desmaios, ainda, podem ter causa idiopática. Isso quer dizer que é de causa desconhecida. Além das citadas acima, podemos elencar também:

  • uso de medicações;
  • transtornos psicológicos, como ansiedade e pânico;

Como tratar ou evitar o desmaio?

O desmaio não é doença. Portanto, o tratamento depende da causa do sintoma. Ao presenciar um caso de síncope, a orientação é que se deve checar a respiração da pessoa e, se houver supressão da respiração, é preciso ligar para o serviço de urgência da cidade.

Em casos leves, a volta da consciência acontece sem que seja necessária nenhuma intervenção. Levantar as pernas da pessoa desmaiada auxilia o fluxo sanguíneo, ajudando a pessoa a se sentir melhor mais rapidamente.

Após a pessoa voltar do desmaio, a recomendação é que um médico seja procurado imediatamente para investigar a causa e tratar a possível doença.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cardiologista em Uberlândia.

Comentários
Avatar

Posted by Dr. André Navarro